08/08/2016

A minha sorte grande...

   
Sejam bem vindos ao Daebak!, o melhor k-site do universo. Pelo menos do nosso universo. (Se você é um alien e está lendo isso, nos deixe saber se é o melhor do seu universo também!) É muito bom poder ter mais uma forma de aproximar pessoas que gostam tanto das coisas sul coreanas quanto a gente. Aqui a gente vai poder falar, argumentar, surtar, sempre com muito amor pelo nosso povo de olhos em fenda. Assim que a gente gosta.
Bom, meu nome é Ethieny, todos me chamam de Thy, e eu vou estar aqui em sua maioria falando sobre kdramas, que foi o que realmente me trouxe para esse mundo da Coréia. Eu posso não saber nada sobre EXO, BTS, BIGBANG, BTOB, GOT7, Seventeen e todos os outros grupos/cantores (Jana sabe tudo, falem com ela!), mas quando o assunto for sobre dramas e tudo relacionado a eles, pode me chamar porque nós vamos conversar sobre isso por horas! Dramas clássicos, os lançamentos, mini dramas, aqueles que nem lançaram ainda e muito amor por nossos atores e atrizes são só algumas das coisas que nós teremos no site e eu espero que vocês gostem de tudo o que estamos preparando pra vocês! 
Pra começar com o pé direito (e com o esquerdo também), vamos começar com o drama que tem o mesmo nome do nosso site e é incrível como ele: “Daebak” (ou “Jackpot”), estrelado pelos lindinhos Jang Keun Suk [You’re Beautiful] e Yeo Jin Goo [Orange Marmalade].

Os dois interpretam dois príncipes da era Joseon, em uma luta contra a corrupção no governo e por melhores direitos para o povo. Mas há alguns pontos. Baek Dae Gil (Keun Suk) é um filho não-reconhecido do rei com sua segunda esposa, antes uma das criadas do palácio. Ele nasceu prematuro e para que pudesse viver, teve que ser dado como morto. A partir de então, ele vive como alguém comum, filho de um apostador e antigo marido da mãe dele. Já Yeoning (Jin Goo) é o irmão mais novo de Dae Gil, que aprende desde sempre o peso da vida como governante, mesmo vivendo à sombra do primogênito do rei (filho da primeira esposa). Mesmo tendo anseios ao trono, Yeoning sabe que suas chances são muito pequenas por ser o terceiro na linha de sucessão e por ser “filho da criada”. Por ser hostilizado, vive como um boêmio, tentando disfarçar suas verdadeiras intenções de seguir vida pública. Além dos desafios pessoais, existe Yi In Jwa (Jeon Kwang Leol), o homem que quer tirar o rei do poder e começar um novo governo. Inescrupuloso e muitíssimo inteligente, ele mantém a rebelião como uma maneira de vingança por sua vida marcada por sofrimentos. Influente, ele tem infiltrados em lugares estratégicos e sua habilidade de prever todos os movimentos do rei torna o drama cativante. Os irmãos acabam se unindo em um propósito: Destruir Yi In Jwa e proteger o trono.
Sim, é uma loucura. Um monte de enredos, personagens e fatos históricos que exigem nossa máxima atenção. São tantos personagens, que a maioria deles tem o nome na tela para que as pessoas não se percam (extremamente útil pra mim!). Além disso, é baseado em fatos reais! Claro que há coisas que foram aumentadas, diminuídas, deixadas mais interessantes para a TV, mas ao saber que tudo isso aconteceu mesmo, fiquei ainda mais apegada à história. O drama tem 24 episódios (eu sei, parece uma eternidade!), mas conseguiu me prender de uma forma inacreditável só por todas as reviravoltas. Dentre elas, a sorte de Baek Dae Gil (o cara é esfaqueado, cai do penhasco e não morre!), a voz e postura de Yeoning (Mama!) e a inteligência absurda de Yi In Jwa (o sotaque que Keun Suk e Jin Goo falam esse nome é A+), além de todos os momentos que um monarca morre e ele não pode ser assassinado (fiquei revoltada várias vezes). O elenco de apoio tem várias pessoas geniais, como Choi Min Soo [Rei Sookjong], Yoo Jin Seo [mãe de Dae Gil e Yeoning] e outros, que se eu ficar aqui dizendo nomes, vou passar uma eternidade. Segundo o TNmS [um dos medidores de audiência na Coréia], os maiores números do drama foram por volta dos 11%, o que é um número realmente bom!
Foi o primeiro drama histórico que eu assisti (uma vergonha, eu sei), mas eu achei incrível! Eu sinceramente achei que ia achar chato, que ia acabar desistindo pela metade. Estava assistindo mesmo por ser o comeback de Jang Keun Suk (que ficou três anos fora das telas), mas acabei envolvida com a trama, todas as reviravoltas e atuações muito boas. Além de me apaixonar por Jin Goo, tanto com a atuação dele quanto com todo o resto (Noona romance? Com ele sim, por favor!). Ou seja, vale a pena disponibilizar um tempinho (24h!) para assistir esse drama tão incrível, como o próprio nome já diz!
Para aqueles que ficaram interessados, “Daebak” já está finalizado e com legendas em português tanto no DramaFever, quando no Viki! É só chegar lá, maratonar e depois correr aqui para nos contar o que acharam do drama!



Então, por hoje é só, mas nos encontraremos muito por aí! Nos deixem saber o que vocês acharam do nosso site, deixem suas sugestões, elogios e críticas (se me atacá, eu vou atacá)! Nós estamos ansiosos para saber o que vocês acharam de tudo o que preparamos com tanto carinho para vocês! Conversem com a gente aqui embaixo ou em qualquer uma das nossas redes sociais, okay? Milbeijos Anyooon. ^^ P.S.: Jin Goo? Nem pensem nisso. É meu <3

Tecnologia do Blogger.